O GALEGO MEDIEVAL E O BRASIL

Xoán Carlos Lagares

Resumo


Neste artigo apresentamos de
forma resumida uma exposição crítica da
relação histórica entre iberorromance
nascido na Gallaecia e o Brasil, discorrendo
sobre as conexões e continuidades
linguísticas existentes, assim como sobre as
interpretações feitas pelos diversos relatos
sobre a origem da língua portuguesa no
campo da linguística histórica. Também
apresentamos outras continuidades
culturais, que se expressam naquela língua
medieval, e os trabalhos feitos pelos centros
de estudos galegos no Brasil para trazê-los a
cena nos estudos acadêmicos sobre língua e
cultura. Nesse sentido, cumpre um papel
muito destacado Maria do Amparo Tavares
Maleval, como pesquisadora, editora e
coordenadora de núcleos de pesquisa que
mudaram a abordagem dada à realidade
medieval, ao por o foco na Galiza e revelar as
relações linguísticas e culturais que até hoje
esse pequeno país do noroeste da Península
Ibérica mantém com o Brasil.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Signum Revista da ABREM (ISSN 2177-7306) - Associação Brasileira de Estudos Medievais