A ideia de virtude no final da idade média: um estudo comparativo entre o seu uso político em Florença, no século XIV, e em Portugal na segunda metade do século XV

Ana Carolina Lima Almeida, Clinio de Oliveira Amaral

Resumo


Objetiva-se analisar como o conceito de virtude foi utilizado em duas regiões do Ocidente durante a baixa Idade Média. Inicialmente, analisam-se as virtudes necessárias ao bom governo presentes na produção de Giovanni Boccaccio. Em segui-da, avalia-se a sua apropriação à luz do com-texto político português da segunda metade do século XV. A discrepância entre a maneira como essa ideia foi utilizada, nos dois casos, sustenta a tese de que seria necessário aprofundar os estudos comparativos para se verificar que, mesmo dentro do conjunto da cristandade, há diferenças significativas entre as regiões, as quais, no que diz respeito à península Itálica e a Portugal, ainda não foram apropriadamente estudadas.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.21572/2177-7306.2012.V12.N2.11

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Signum Revista da ABREM (ISSN 2177-7306) - Associação Brasileira de Estudos Medievais - Av. Antônio Carlos, 6627 (UFMG/Departamento de História). Bairro: Pampulha. Belo Horizonte-MG CEP 31270-901