OS CONFESSORES IBÉRICOS ENTRE DOENTES E FERIDOS (sécs. XIV-XV)

Rodolfo Nogueira da Cruz

Resumo


O Libro de las confesiones, escrito por Martín Pérez, sobre o qual pouco sabemos, tinha como objetivo instruir os clérigos que possuíam cura de almas sobre os cânones da Igreja e os aspectos do cotidiano cristão. Em meio as lições, Pérez elucida que era fundamental para o rito sacramental da confissão que os penitentes soubessem fazer um minucioso exame de consciência e, nesse exame, identificassem os pecados e desvios que acarretassem danos físicos e a saúde.  Ao confessor, portanto, cabia identificar as faltas e direcionar recomendações para a salvação da alma e reparação dos pecados. Tendo em vista que os próprios clérigos eram alvos e agentes de violências e doenças entre os séculos XIV e XV, pretende-se observar como esses homens lidaram com as mazelas corporais suas e de seus fiéis. Focaremos, assim, nas descrições feitas no tratado de confissão de Martín Pérez sobre doenças e ferimentos que afligiam e preocupavam os prelados ibéricos.


Texto completo:

PDF

Referências


CASAGRANDE, Carla; VECCHIO, Silvana. Histoire des péchés capitaux au Moyen Âge. Paris : Aubier, 2003.

COHEN-HANEGBI, Naama. Caring for the Living Soul: Emotions, Medicine and Penance in the Late Medieval Mediterranean. Leiden: Brill, 2017.

DUBY, Georges (org.). História da vida privada, 2: da Europa feudal à Renascença. São Paulo: Companhia das Letras, 2009.

IBÁÑEZ, Jorge Díaz. Escándalos, ruydos, injurias e cochilladas: prácticas de violencia en el clero catedralicio burgalés durante el siglo XV. Anuario de Estudios Medievales, v. 43, n. 2, p. 543-576, 2013.

LE GOFF, Jacques. São Francisco de Assis. Rio de Janeiro: Record, 2011.

LE GOFF, Jacques; TRUONG, Nicolas. Uma história do corpo na Idade Média. Rio de Janeiro: Civilização Brasileiro, 2006.

MACEDO, José Rivair. Os manuais de confissão luso-castelhanos dos séculos XIII-XV. Conferencia ministrada no I Encontro Estadual de Estudos Medievais/ RS – Porto Alegre, 23 -26 de junho de 2009.

PÉREZ, Martín. Libro de las Confesiones. Una radiografía de la sociedad Medieval Española. Edição e notas de GARCI Y GARCIA Antonio; ALONSO RODRÍGUEZ Bernardo; CANTELAR RODRÍGUEZ Francisco. Madrid: Biblioteca de Autores Cristianos, 2002.

POIRIER, Jean (Dir.). História dos costumes: as técnicas do corpo. Lisboa: Editorial Estampa, 1998.

PRODI, Paolo. Uma história da justiça. Do pluralismo dos foros ao dualismo moderno entre consciência e direito. São Paulo: Martins Fontes, 2005.

RICHARDS, Jeffrey. Sexo, desvio e danação. As minorias na Idade Média. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 1993.

SANCHEZ, Clemente. Sacramental. Sevilha: Biblioteca Nacional de España, 1475.

SCHIMITT, Jean-Claude. O corpo, os ritos, os sonhos, o tempo: ensaios de antropologia medieval. Petrópolis, Rio de Janeiro: Vozes, 2014.

SENNETT, Richard. Carne e pedra. Rio de Janeiro: Record, 2003.

SILVA, Michelle Tatiane Souza e. O regimento do corpo em Portugal no século XV. 2014. 186 f. Tese de Doutorado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.

SCOTT, Anne M (ed.). Experiences of Charity, 1250-1650. London; Nova York: Routledge, 2016.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Signum Revista da ABREM (ISSN 2177-7306) - Associação Brasileira de Estudos Medievais