A Função Moduladora e os Diferentes Graus de Ornamentação no Beatus de Facundos

Fabiana Pedroni

Resumo


Dentro de uma perspectiva tradicional na teoria do ornamento, sobretudo aquela que herda reflexos das restrições modernistas, é comum associar o ornamento a um complemento de beleza, reduzido ao seu aspecto decorativo. No entanto, servir de decoração é apenas uma das funções que o ornamento pode assumir quando se insere em uma imagem. Para frisar a potencialidade funcional do ornamento, utilizam-se atualmente os termos ornamental e ornamentalidade. Aqui buscaremos fazer uso destes termos para o estudo da função moduladora do ornamental. Sob o aporte de um conjunto de miniaturas do Beatus de Facundus, manuscrito  de 1047, o ornamental é observado como uma ferramenta tonal. Os diferentes graus de ornamentação de uma imagem criam modulações, intensidades e diferenciações hierárquicas entre elementos e imagens. Encontra-se na função moduladora consonâncias entre o tratamento ornamental de uma imagem e seu status no conjunto do manuscrito. 


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.21572/2177-7306.2014.v15.n2.01

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Signum Revista da ABREM (ISSN 2177-7306) - Associação Brasileira de Estudos Medievais - Rua Professor Marcos Waldemar de Freitas Reis (UFF/Instituto de História). Bairro: São Domingos. Niterói-RJ CEP: 24210-201